Dr. Cássio Andreoni

Nódulos Renais: O que são?

Atualizado em 30/08/2021
Tempo de leitura: 2 min.

O tema de hoje é sobre nódulo renal, também conhecido como um tumor no rim. Esse assunto tem aumentado muito o número de perguntas, porque recentemente tivemos um ator que teve um nódulo renal. A busca pelo tema e pelo conhecimento disso aumentou muito.

Nódulo renal e cisto renal

O nódulo renal pode ser várias coisas, o mais comum é que as pessoas confundem com o cisto renal. A maioria das pessoas, após os 40 anos, terá um cisto no rim e pode ser confundido com nódulo renal, e quase nunca apresenta sintomas, portanto, não ligamos muito para os cistos renais. Raros cistos vão dar algum problema. Quem tem um cisto renal, normalmente, não precisa ficar muito preocupado porque é diferente de um nódulo renal, que muitas vezes é suspeito para um câncer de rim. 

A diferença do cisto para o nódulo: o cisto é um conteúdo líquido dentro do rim, uma bolinha de conteúdo líquido, e o nódulo renal pode ser suspeito de um câncer no rim, é um tumor sólido em uma região sólida do mesmo, um pouco diferente.

Exames

Normalmente, é visto ou identificado por um exame de ultrassom. O exame de ultrassom não é suficiente para diferenciar as condições normais de um nódulo renal. É necessário fazer um exame mais sofisticado, uma tomografia ou uma ressonância, normalmente com um contraste para quem não tem alergias ou outras contraindicações.

Tratamento

Ao ser um nódulo, na maioria das vezes, será realizada uma cirurgia para remover esse nódulo. E o nódulo renal quando é identificado ainda pequeno (consideramos pequeno quando menor de 4 centímetros), mesmo sendo um tumor maligno, tem grande chance de cura. Muitas vezes, um nódulo renal, ou seja, que não é um cisto e não tem líquido, exige a remoção por cirurgia.

Procedimentos

Qual procedimento deve ser feito? Temos três tipos:

  1. O mais tradicional é a remoção total do rim com o nódulo.
  2. Apenas retirar o nódulo por cirurgia
  3. Fazer uma ablação com agulha, guiada por um exame de imagem (tomografia ou ressonância), põe uma agulha e congela esse tumor.

Normalmente, o congelamento é feito em tumores bem pequenos.

Remoção do nódulo atualmente

Em 2001, 80% das cirurgias eram por remoção completa do rim com tumor, e a média de tumor naquela época era de 9 centímetros. Anos depois, em 2011 a média de remoção total do rim caiu o oposto, ou seja, 80% das vezes preservamos o rim, retirando apenas o tumor renal. Isso mudou bastante a condição desses pacientes, que não precisam ficar sem um rim.

Outra coisa que mudou é que não fazemos um corte grande nas costas do paciente, pois o corte da cirurgia renal precisava tirar uma costela do paciente, retirando muitos músculos e causando dor no pós operatório, demorando para voltar as atividades normais. Quando substituídas por videolaparoscópica ou por robótica, melhoram a condição dos pacientes.

O nódulo renal não é tão comum, porém a maioria pode ser maligno, e na maioria dos casos precisamos fazer a cirurgia. Mas, conseguimos preservar mais o paciente atualmente. Em fase inicial, é um tumor onde conseguimos dar chance de cura para a maior parte das pessoas.

Lembrando aqui que temos várias outras variáveis, e cada caso tem que ser analisado individualmente com o seu médico.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    1. Olá, Venina. Tudo bem? E você já retornou com o seu médico? É importante marcar uma consulta para saber quais os próximos passos!

      Espero ter ajudado. Agradeço pelo comentário!

  1. Em ecografia renal diagnostico rim esquerdo um nodulo de 10 mm e no direito um quisto com 70 mm sera que devo ir ao hospital visto nao ter consulta agendada para breve ob.

    1. Olá, Amadeu. Seria importante passar por uma consulta com o especialista para avaliar o seu caso e indicar os próximos passos.

      Espero ter ajudado. Agradeço pelo comentário!

    1. Olá, Yasmin. Tudo bem? Seria importante retornar ao médico que lhe indicou o exame e discutir quais os próximos passos a serem tomados.

      Espero que ajude! Agradeço pelo comentário.

 | 28 / 09 / 21
A fístula urinária é a comunicação do trato urinário com qualquer outro órgão, sendo mais comum, com o intestino e a vagina. Saiba como tratar isso!
Ler Mais
 | 21 / 09 / 21
Entenda onde fica localizado a uretra, por que ela é acometida por infecções, quais os sintomas da estenose de uretra e como tratá-la.
Ler Mais
1 2 3 15
Logo | Prof. Dr. Cássio Andreoni - Urologista Hospital Albert Einstein
CRM 78.546
ACOMPANHE NAS REDES SOCIAIS
ENTRE EM CONTATO
Atenção: O site  cassioandreoni.com.br  apresenta informações de qualidade, sobre a saúde masculina, para orientação de todos. Não substitui uma avaliação completa e diagnóstico adequados, em consulta médica.

Dr. Cássio Andreoni© – CRM 78.546 | 2022 Todos os direitos reservados – Desenvolvido por Surya Marketing Médico.

Última atualização: 28/09/2021 às 09:27