Dr. Cássio Andreoni

Alterações da urina no inverno

Atualizado em 03/10/2023
Tempo de leitura: 2 min.

A sensação de urinar com maior frequência do que o habitual é comum durante essa estação mais fria, e muitos de nós, especialmente as mulheres, tendem a associar essas mudanças à possibilidade de uma infecção urinária.

Neste post, abordaremos como o inverno afeta a sua saúde urinária. Exploraremos por que as mudanças no corpo durante a estação fria podem levar a frequentes idas ao banheiro e aprenderemos a diferenciar sintomas comuns das infecções urinárias.

Urinar em excesso pode ser sintomas de infecção? 

Normalmente durante o inverno, urinamos mais frequentemente, e muitas pessoas associam isso, especialmente as mulheres que têm maior incidência de infecções urinárias, com a possibilidade de estarem com uma infecção urinária.

É algo bastante comum. Acredito que todas as semanas no inverno, recebemos chamadas do tipo: "Doutor, será que estou com infecção urinária? Estou indo ao banheiro o tempo todo." Primeiramente, uma maneira de saber é observar não apenas a frequência, mas também o volume da urina.

Se você está urinando com mais frequência, mas também está urinando em maior quantidade, muitas vezes não se trata de uma infecção. Infecções, normalmente, ocorrem quando você urina em pequenas quantidades repetidamente, o que pode ser um sinal de irritação. Portanto, uma das possíveis causas é a infecção urinária.

Por que isso ocorre no inverno?

No inverno, devido ao frio, o corpo tende a contrair todas as veias, isso resulta em um menor volume de sangue circulante no organismo. Consequentemente, ao ingerir mais líquidos, o corpo tende a excretar essa água na forma de urina, uma vez que precisamos de menos líquidos no inverno. Essa é uma das explicações, a outra é que no inverno suamos menos.

Quando estamos na praia a 40 graus, com o corpo completamente exposto, perdemos uma quantidade significativa de líquidos pelo suor, que evapora rapidamente. As pessoas costumam não perceber o quanto precisam de líquidos. 

No verão, acontece o oposto, o corpo fica expandido, com maior volume circulante. Nesse caso, precisamos de uma quantidade maior de líquidos, pois leva mais tempo para encher o "tanque". Portanto, é necessária uma hidratação mais frequente de líquidos.

Como diagnosticar uma possível infecção urinária?

No inverno, não é tão comum desenvolver uma infecção urinária. Em vez disso, ocorrem alterações na urina, incluindo a frequência de idas ao banheiro à noite. Isso ocorre porque o corpo está com um volume de líquido diminuído, levando a uma necessidade de urinar mais frequentemente à noite.

Portanto, basta observar a cor e o volume da urina, e se não houver sinais de irritação, provavelmente são apenas alterações relacionadas à temperatura.

Se você gostou desse conteúdo, não esqueça de compartilhar com pessoas que possam se interessar e continue nos acompanhando.

Dr. Cassio Andreoni Ribeiro

CRM 78546
RQE 102167 - Urologista

Urologista formado na Universidade Federal de São Paulo, há 25 anos e qualificado em cirurgia minimamente invasiva e robótica.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 | 12 / 12 / 23
Descubra a importância da cistectomia radical no tratamento avançado do câncer de bexiga. Conheça os detalhes desse procedimento e suas implicações para a saúde.
Ler Mais
 | 05 / 12 / 23
Saiba mais sobre os mistérios do câncer de bexiga: entenda por que é chamado de superficial e como os tratamentos variam.
Ler Mais
1 2 3 5
Atenção: O site  cassioandreoni.com.br  apresenta informações de qualidade, sobre a saúde masculina, para orientação de todos. Não substitui uma avaliação completa e diagnóstico adequados, em consulta médica.

Dr. Cássio Andreoni© – CRM 78.546 | Desenvolvido por Surya Marketing Médico.

Todos os direitos reservados © 2024
Última atualização: 08/01/2024 às 10:05