Dr. Cássio Andreoni

Estenose de uretra: sintomas, diagnóstico e tratamento

Atualizado em 21/09/2021
Tempo de leitura: 3 min.

A estenose de uretra é muito confundida com o uréter porque as pessoas não conhecem a anatomia. Conheça abaixo!

Anatomia do ureter e da uretra

O ureter é uma estrutura fina e comprida que mede de 25 a 30 cm e transporta a urina do rim até a bexiga, e não tem relação com a uretra.

A uretra do homem e da mulher é bem diferente, enquanto a da mulher é muito curta, medindo de 3 a 4 cm, e dificilmente dará sintomas, a uretra do homem é muito mais comprida e as probabilidades de causar estenose, uretrite e infecções são bem maiores.

A uretra do homem é dividida em quatro partes: uretra prostática, que passa nomeio da próstata; uretra membranosa, que passa no meio de toda a musculatura do esfíncter; uretra bulbar, que é bem grossa e as infecções são causas nela; e a uretra peniana.

A uretra da mulher é totalmente para baixo, já no homem, a uretra faz duas curvas de 90° que sai da próstata, passa por cima da região escrotal e depois desce para o pênis.

Por ser uma uretra maior, com curvas e bastante glândulas, o risco de infecções é bastante maior.

Causas de estenose de uretra

Existem dois problemas mais comuns que causam estenose de uretra, que são as uretrites (gonorreia ou clamídia) e traumas, principalmente aquele chamado de “queda a cavaleiro”.

Esse trauma ocorre quando um homem está em cima de algo, cai com a perna aberta e bate o pênis, que é exatamente onde a uretra está passando.

Ao cair, ocorre uma pressão da uretra para cima e ela fica presa no osso da bacia, o que gera uma ruptura. A maioria dos homens já passou por problemas como esse, seja ao andar de skate e cair em um corrimão, andando de bicicleta e escorrega para o guidão, entre outras situações.

Muitas vezes, esses traumas não causam um acidente maior na hora da batida, mas podem causar lesões que perduram por meses e dão algum tipo de problema anos depois. Normalmente, sai apenas um sangue na uretra.

Em traumas mais violentos que rompem a uretra, o que ocorre é uma uretrorragia, que é a saída espontânea de sangue pela uretra. Nesses casos, o paciente pode sentir dificuldade para urinar e terá que recorrer a um pronto-socorro de qualquer forma, cedo ou tarde.

Diagnóstico de estenose de uretra

Ao suspeitar de estenose de uretra, nunca passe uma sonda porque isso pode transformar uma lesão parcial em uma lesão total.

O ideal é fazer um exame que consiste em realizar um contraste na uretra e fazer também um raio-x para ver se a estenose extravasa ou não.

Se houver ruptura, precisa fazer o tratamento cirúrgico com reparo adequado no mesmo momento porque pode levar à estenose de uretra.

Uretrites e estenose de uretra

As uretrites são as causas mais comuns de estenose de uretra. Muitas vezes o homem teve uma secreção pelo canal, tratou com antibiótico, cicatrizou o local levando a uma fibrose e resultando no estreitamento.

Quais são os sintomas da estenose de uretra já cicatrizada?

  • diminuição progressiva do jato urinário;
  • aumento de frequência urinária;
  • acorda na madrugada para urinar;
  • sensação que a bexiga não está totalmente esvaziada.

Tratamento da estenose de uretra

Existem dois tipos de tratamento:

Tratamento endoscópico

Neste se faz uma dilatação e insere-se uma sonda que permanecerá até cicatrizar.

Remoção uretra

Esse procedimento é feito quando há uma estenose mais expressiva, de maior comprimento. Assim, suturam os dois pedaços bons, mas caso seja muito exagerado e precisa de um retalho, às vezes retira mucosa da bochecha interna, retira um pedaço do próprio prepúcio do homem ou até uma face da região escrotal.

Normalmente, o homem que está com sintomas de baixo fluxo urinário e não é um problema de próstata, é uma estenose de uretra que merece um tratamento e uma atenção especial diferente.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 | 28 / 09 / 21
A fístula urinária é a comunicação do trato urinário com qualquer outro órgão, sendo mais comum, com o intestino e a vagina. Saiba como tratar isso!
Ler Mais
 | 02 / 12 / 19
Você sabia que o sangue na urina é mais comum nas mulheres? Confira quais as causas para que isso ocorra, a relação com câncer e como tratar.
Ler Mais
1 2 3 5
Logo | Prof. Dr. Cássio Andreoni - Urologista Hospital Albert Einstein
CRM 78.546
ACOMPANHE NAS REDES SOCIAIS
ENTRE EM CONTATO
Atenção: O site  cassioandreoni.com.br  apresenta informações de qualidade, sobre a saúde masculina, para orientação de todos. Não substitui uma avaliação completa e diagnóstico adequados, em consulta médica.

Dr. Cássio Andreoni© – CRM 78.546 | 2021 Todos os direitos reservados – Desenvolvido por Surya Marketing Médico.

Última atualização: 28/09/2021 às 09:27